Marcelo Cavalcante

Mostrando um futebol consistente, competitivo e de muita força, o Sport venceu o Náutico, por 2×0, nos Aflitos, na primeira partida decisiva do Campeonato Pernambucano. O Leão abriu uma grande vantagem para conquistar o título.  E a torcida vai estar presente com toda vibração positiva para o confronto final, na Arena de Pernambuco, no próximo sábado (6). Até agora, já são mais de 36 mil ingressos nas mãos do torcedor. É casa cheia na grande decisão. Um mar vermelho e preto para empurrar o Leão para garantir o título estadual.  Se você não garantiu sua presença, clique aqui e compre seu ingresso. 

Como toda decisão de campeonato, o primeiro confronto foi tenso. Nos Aflitos, o Leão não se sentiu acuado. Buscou o jogo, tentou pressionar o adversário. O Sport foi uma equipe aguerrida, com aquela disposição de quem quer o título. Mas a marcação das equipes prevaleceu. E poucas chances claras foram criadas. Numa delas,  Castán cabeceou e quase, quase abria o placar.

No segundo tempo, o Sport  foi melhor. Dominou o jogo completamente. E logo nos primeiros minutos, Gustavo Coutinho e Fabrício Domingues, mandaram a bola a trave, em dois lances simultâneos. Haja coração! Dono do jogo, não demorou para o Leão fazer valer sua vantagem técnica. Alan Ruiz cruzou e Rafael Thyere  estufou as redes. O 1×0 que todo mundo queria para mudar o panorama da partida.

E foi o que aconteceu. O Sport tomou fôlego e manteve a pegada no meio de campo e a velocidade na troca de passes no ataque. Aos 20 minutos, mais um cruzamento na área e Gustavo Coutinho, de cabeça, mandou no canto direito, ampliando o placar.  O Leão seguiu dominando a partida, criou até chances para ampliar o placar. Mas ficou no 2×0, uma vantagem muito boa para garantir mais um título para sua história.

A torcida vai chegar junto. Lotar a Arena de Pernambuco e empurrar o Sport para mais uma vitória sobre o Náutico e fazer uma festa digna de título.