Com Maílson pegando um pênalti, o Sport conseguiu arrancar um empate com o São Paulo, por 0x0, na noite desta segunda-feira (26), no Morumbi, pela 37ª rodada do Brasileirão. Apesar de não ser o resultado que era pretendido pelo Leão, os atletas valorizam o ponto conquistado ante o Tricolor Paulista – dadas as circunstâncias da partida. O time rubro-negro ainda teve Cláudio Winck expulso, na reta final do segundo tempo. O foco agora é no duelo contra o Santos, e a missão é fazer o dever de casa – para depois conferir os outros resultados da última rodada da Série A.

“Foi um jogo muito corrido. Infelizmente não conseguimos aproveitar as poucas chances que tivemos. Mas foi um ponto importante e vamos agora para mais uma decisão na última rodada”, disse o meia Gabriel. O Leão encara o Peixe no próximo domingo (2), às 16h (horário do Recife), na Ilha do Retiro.

“Nosso pensamento foi vir aqui e vencer. Até criamos chances de fazer o gol. O que é importante é nossa garra e luta hoje. Mesmo com um a menos, não deixamos de lutar. Agora temos que vencer em casa. Independentemente dos desfalques do Santos, o time é forte. Temos que descansar, vai ser um jogo difícil, mas vamos em busca de fazer nossa parte, que é lutar e vencer”, reforçou Marlone.

O atacante Hernane ressaltou que o ponto conquistado no Morumbi teve sua importância. “Sabíamos que seria um jogo difícil. A vitória era muito melhor, mas pelas circunstâncias, o ponto foi importante. Agora não depende só da gente, mas esperamos fazer nossa parte. E depois veremos como ficou os outros resultados”, pontuou.