Empate na Arena de Pernambuco. Mesmo superior e com boas chances de gols para vencer a partida, o Maior do Nordeste ficou no 1 a 1 com o Flamengo, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, em jogo realizado na noite desta sexta-feira [3]. O gol rubro-negro foi do meia Gustavo, que invadiu a área e bateu com qualidade na frente do goleiro. O Leão foi aos 34 pontos.

O jogo teve algumas nuances e foi marcado por elas. Primeiro e principalmente, pela energia da torcida, que independente do rebaixamento já confirmado, chegou junto em mais de 10 mil vozes e apoiou, cantou e vibrou até o fim. Com grande aplauso após o último apito do árbitro. Segundo, pela interferência do próprio árbitro no resultado do jogo. Tônica dos jogos que o Sport esteve envolvido na Competição, o time rubro-negro foi outra vez sabotado dentro de campo. Pênalti não marcado e expulsão ignorada do jogador adversário no início do confronto foram decisões equivocadas em benefício apenas de um lado.

Ignorando faltas claras para o Sport, o juiz ainda tirou da cartola um lance em bem menor intensidade para tentar fazer o Flamengo fazer o gol em uma penalidade. Antes da batida, contudo, o VAR dessa vez evitou o que seria mais um entre os incontáveis erros contra o Leão neste Campeonato Brasileiro. Dentro de campo, novamente, destaque para os Leões da Base. Principalmente com Gustavo, autor do gol e dono de lances que levantaram a torcida. Mikael, por sua vez, viu o goleiro fazer milagre em duas finalizações suas e em assistência perfeita para Hernanes. O profeta recebeu do camisa 99 e deu um lindo voleio, que parou na ponta de dedo salvadora do arqueiro adversário.

José Welison, já sem o goleiro na frente após passe de Moccelin, teve o gol da vitória em seus pés. Acertou o chute no alvo, mas David Luiz, zagueiro dos cariocas, apareceu milagrosamente para salvar em cima da linha e evitar o que seria uma em todos os sentidos justa vitória do campeão de 1987. No fim, frente a um grande adversário e contra a arbitragem, o empate selado no placar final.

Sport voltará a campo segunda-feira, contra a Chapecoense, fora de casa, às 21h.