O Pulso ainda pulsa, e cada vez mais forte! Em um jogo de sete gols e emoção à flor da pele, o Sport conseguiu uma vitória heróica em Porto Alegre, ao vencer o Grêmio por 4×3 e chegar aos 33 pontos no Brasileirão, na noite deste sábado (27), pela 31ª rodada.

Até o fechamento da matéria, o Leão subiu para a 17ª colocação, ficando a apenas um ponto de sair da zona de rebaixamento. Os gols rubro-negros foram marcados por Jair (2), Mateus Gonçalves e Gabriel.

Na próxima segunda-feira, os leoninos têm mais uma decisão pela frente, contra o Ceará, na Ilha do Retiro.

O JOGO

O Sport fez um primeiro tempo praticamente impecável na Arena do Grêmio. Logo aos quatro minutos, numa bela falta cobrada por Michel Bastos, Jair subiu alto para marcar o seu primeiro gol com a camisa rubro-negra e abrir o placar da partida. “Dono” do meio-campo, o volante foi inclusive um dos grandes destaques na etapa inicial.

Mesmo na vantagem, o Leão continuou com uma marcação alta, no campo de ataque, e conseguia controlar o jogo sem sofrer grandes sustos (os gaúchos chegaram com perigo numa cobrança de escanteio). Aos 29, Matheus Gonçalves mostrou que está mesmo num bom momento e usou da sua velocidade para fazer o segundo gol pernambucano.

Aos 39, um lance bastante polêmico resultou num gol dos donos da casa, quando o volante Matheus Henrique dominou a bola com o braço antes de chutar para o gol. Alguns jogadores leoninos chegaram até a parar no lance para pedir a marcação da irregularidade, mas tanto o árbitro como os auxiliares ficaram omissos.

No segundo tempo, mais emoção para os rubro-negros, que ainda sentiam pelo gol sofrido. Aos seis minutos, o árbitro assinalou pênalti e os gaúchos empataram a partida, com Juninho Capixaba. A resposta, no entanto, foi muita rápida. No lance seguinte, Sander deu um cruzamento perfeito para Gabriel recolocar o Leão na frente.

Seis minutos depois, numa jogada rápida dos gremistas, Thonny Anderson acabou empatando. Mas o Sport não se entregou. E, num jogo bastante aberto, com chances para os dois lados, continuou tentando. Até que aos 19, mais uma vez a bola parada funcionou para o time leonino.

E mais uma vez o cruzamento saiu dos pés de Michel Bastos para a conclusão de Jair, marcando o seu segundo tento na partida. Nos minutos finais, Hernane sentiu e o técnico Milton Mendes optou por colocar Fellipe Bastos para segurar a partida.

Com a mudança na postura, os leoninos concentravam as suas energias para segurar o importante resultado.

FICHA DO JOGO

Sport

Mailson; Cláudio Winck, Ernando, Adryelson e Sander; Marcão, Jair (Nonoca), Gabriel, Michel Bastos e Mateus Gonçalves (Rogério); Hernane (Fellipe Bastos). Técnico: Milton Mendes

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA/Fifa)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP/Fifa) e Heronildo Freitas da Silva (PA)

Cartões amarelos: Jair e Cláudio Winck (S) e Bressan (G)

Gols: Jair, aos 4 minutos do primeiro tempo, Mateus Gonçalves, aos 29 do primeiro tempo, Matheus Henrique, aos 39 do primeiro tempo, Juninho Capixaba, aos 6 do segundo tempo, Gabriel, aos 7 do segundo tempo, Thonny Anderson e Jair, aos 19 do segundo tempo