O técnico Nelsinho Baptista começou a armar o time que poderá iniciar o jogo contra o América (MG), dia 15, às 11h, em Belo Horizonte. O comandante rubro-negro realizou um treino aberto à imprensa (como foram os outros durante toda a semana), na manhã desta sexta-feira, no Centro de Treinamento do Leão, onde mostrou que testará todos os atletas até chegar ao time ideal para enfrentar os mineiros.

Baptista armou dois times. O primeiro deles composto por Agenor (Magrão foi poupado da movimentação); Winck; Ernando, Léo Ortiz e Raul Prata; Anselmo, Ferreira e Gabriel; Andrigo, Éverton Felipe e Hygor, trabalhou primeiro no campo 1 do CT. O treinador, neste primeiro momento, trabalhou transição da bola da defesa para o ataque com passes longos dos meias para os atacantes. Também foi feito a saída de bola nas situações de contra-ataques.

Leia Mais 

Volante Thallyson é emprestado ao Boa Esporte-MG

Para Raul, regularidade deve ser a tônica do Leão no Brasileiro

O segundo time formado por Maílson; Felipe Rodrigues, Henriquez, Max e Adryelson; Neto Moura, Felipe Bastos e Nonoca; Fabrício, Pablo e Índio, trabalharam no campo 2. Lá o trabalho foi o toque de bola rápido com os atletas trabalhando o deslocamento dentro de campo. Finalizações na barras pequenas foram feitas durante a movimentação.

Na segunda parte do treino, Nelsinho juntou as duas equipes e realizou um pequeno coletivo. Os times não se alteraram, mas o treinador não deixou de chamar a atenção de alguns atletas de ambos os times.

ATLETAS NO DM

Alguns jogadores foram poupados ontem e hoje dos treinamentos. A lista de pacientes do Departamento Médico de ontem estava composta por Magrão, Marlone, Ronaldo Alves e Sander.
No treino da manhã desta sexta, Ronaldo Alves e Marlone voltaram a trabalhar no campo com o preparador físico Vítor Hugo. Os dois se juntaram ao zagueiro Durval e o lateral-esquerdo Evandro, que já estavam no processo de transição, e podem reaparecer entre os atletas do elenco principal já na próxima semana.
O eterno camisa 1 do Leão sentiu o joelho direito durante o treino de ontem. Na noite da última quinta-feira o arqueiro fez um exame de imagem onde foi constatado um pequeno desgaste no menisco e uma tendinite no joelho. Ontem mesmo os profissionais do DM começaram a tratá-lo. A ideia é reavaliá-lo na próxima segunda-feira para saber o que será feito durante a semana que antecede a estreia do Leão no Brasileirão.
“O lateral-esquerdo Sander teve um trauma no joelho e realizou, junto com Magrão, um exame de imagem. Nele não foi constata nenhuma lesão importante e está praticamente sem dor. Vamos continuar o tratamento e segunda-feira a previsão é que ele seja reintegrado ao elenco”, comentou o médico Leonardo Monteiro.