O técnico Milton Cruz comemorou bastante a vitória do Sport no Clássico dos Clássicos. A equipe leonina venceu o Náutico por 3×1, na tarde deste domingo (27), na Ilha do Retiro, pela terceira rodada do Pernambucano, e o comandante rubro-negro fez questão de exaltar a postura dos atletas. No entanto, Milton voltou a ressaltar que ainda é preciso evoluir e pontuou: “Não quero ter um time, quero ter um grupo forte”.

“O time está de parabéns pela vitória, mas tem bastante coisa para evoluir ainda. Precisamos ter calma. Todos precisam ter calma para que no fim do campeonato a gente possa mostrar o trabalho que está sendo realizado. Não quero ter um time, quero ter um grupo forte”, disse o treinador, que espera ter um grupo ainda mais entrosado nas próximas partidas.

“A gente fica feliz, pois tivemos pouco tempo de trabalho. O time vem evoluindo a cada jogo, e espero que a gente possa – com o um período maior de treinamento e com os atletas que estão chegando – montar um grupo forte e fazer um ótimo campeonato. Hoje a equipe mostrou que um clássico não se joga, se ganha. Foi o que fizemos”, completou.

Milton Cruz falou ainda sobre a superação da equipe rubro-negra e a importância da vitória no clássico para o trabalho no decorrer da semana. “O clássico é muito importante, ainda mais contra uma equipe que vem trabalhando há dois meses. A base do time do Náutico é essa. É importante ter um time como eles têm, trabalhando por um período grande. A gente sabia que iríamos encontrar dificuldades, mas saibamos que a vontade iria superar tudo isso. No primeiro jogo não perdemos, nós entregamos. Tivemos três falhas. Recuperamos no segundo jogo e hoje novamente tivemos a felicidade de sair com um placar legal. A vitória no clássico dá tranquilidade para trabalhar durante a semana”, encerrou.

Com o triunfo, o Sport assumiu momentaneamente a liderança do Pernambucano, com seis pontos. O próximo desafio do Rubro-negro no Estadual será no próximo domingo (3), quando enfrenta o América, às 16h, no estádio Ademir Cunha.