O Sport conseguiu um ponto importante na Arena Castelão. Contra o Ceará, na noite desta terça-feira [15], o Leão sofreu, mas segurou o ímpeto dos donos da casa e empatou sem gols, trazendo de volta para Recife um pontinho que deixa o time com 7 pontos e assegurado no grupo de classificados do grupo A, nesta primeira fase da Copa do Nordeste.

Com um a menos durante boa parte da segunda etapa, o time rubro-negro contou desde o princípio com uma bem postada defesa e com uma noite inspirada do goleiro Maílson, que colecionou defesas difíceis principalmente no primeiro tempo. Ofensivamente, o Leão tentava estocadas no contra-ataque, mas não conseguiu criar muitas situações, apesar de se aproximar da área adversária em alguns momentos.

Bem compactado e cumprindo bem a ideia de jogo estabelecida, o Sport se fechou bem e deixou o Ceará em casa e com apoio da torcida tendo mais a bola durante os dois tempos. Na parte complementar, mesmo em inferioridade numérica após expulsão de Fábio Alemão, o Leão viu os mandantes pressionarem muito no campo de ataque, mas sem nenhuma chance efetiva de gol, algo que ficou mesmo guardado como roteiro da primeira etapa, em que Maílson apareceu como personagem principal.

Calendário: empate assegurado em um contexto difícil e contra um time qualificado, é hora de voltar para o Recife e jogar o Clássico das Multidões contra o Santa Cruz. Sábado, às 16h30, na Ilha do Retiro, agora pelo o Campeonato Pernambucano.

Ceará 0x0 Sport: Maílson; Fábio Alemão, Rafael Thyere, Chico, Sander; Ronaldo, Blas Cáceres, Everton Felipe (Ítalo); Ezequiel, Juba (Ray Vanegas), Búfalo Parraguez (Flávio e depois Sabino).