Natural de Jardim São Paulo, em Recife, Ewerthon chegou ao Sport para atuar no futsal e fez parte do primeiro time sub-13 de campo que o Leão montou no Clube. A semente, plantada há tanto tempo, criou uma grande raiz em 2019, com o jogador fazendo dez gols e tornando-se o lateral-direito de base mais artilheiro do país. Apesar de sempre bem cotado, um fator determinante mudou a vida de Ewerthon esse ano. Antes atacante de lado, o atleta foi deslocado na lateral para não sair mais. Como resultado de tudo, foi um dos selecionados para integrar o grupo profissional no próximo ano e tem agradado nos treinos.

Inspirado em Daniel Alves, que apareceu no futebol nordestino para se tornar um dos jogadores mais vencedores da história do futebol mundial, Ewerthon também sonha alto. Quer conquistar o mundo. E acredita que está no lugar certo para dar um grande passo. Antes, é claro, será necessário muito trabalho e busca incessante para evoluir mais.

“O Sport mudou a minha vida. Se não fosse esse grande Clube, de Série A, eu não estaria onde estou hoje. Essa oportunidade no início de 2020 é a chance da minha vida. É dela que vou ter a chance de ir para frente, conquistar o mundo. Jogar com grandes jogadores, experientes, vencedores. Agradeço a Deus e ao pessoal da diretoria e pode ter a certeza que darei meu máximo não só dentro, como também fora de campo, assim como já fazia na base”.