O técnico Eduardo Baptista “fechou” os últimos treinos da semana para dificultar um pouco a vida do treinador do Paraná, Claudinei Oliveira, que há pouco tempo estava no Sport e por isso conhece bem os jogadores rubro-negros. O Leão enfrenta os paranaenses no próximo domingo, às 16h, na Ilha do Retiro, pela 22ª rodada do Brasileirão.

Na coletiva pré-jogo, no entanto, o comandante leonino confirmou o zagueiro Durval à equipe e a manutenção de Fellipe Bastos na titularidade. Adiantou ainda que está em dúvida entre Nonoca e Neto Moura para substituir Deivid, suspenso, e que haverá mais mudanças na equipe.

“O time está praticamente definido, a dúvida é realmente no meio-campo, entre Neto e Nonoca, para jogar ao lado de Fellipe Bastos. São características diferentes, mas com qualquer um dos dois o Sport vai estar bem servido”, afirmou. “Neto vem numa evolução muito boa, sei até onde posso cobrar. Nonoca ainda estou conhecendo, mas está entendendo o que a gente tem pedido e vem respondendo bem”, acrescentou.

Foi a primeira “semana cheia” de Eduardo à frente do time rubro-negro, onde ele pôde exigir mais dos atletas. “Teremos mais mudanças na parte do meio-campo e ataque. A gente mexeu em algumas coisas, até para dificultar a vida de Claudinei, que conhece bem nosso grupo. Temos a volta do próprio Durval, que fez uma grande partida contra o Botafogo, e é um jogador de respeito, num momento bom”, falou.