No seu nono jogo pelo Sport na Série B, Pedro Carmona vem sendo decisivo para o Leão na busca pelo acesso à Série A, sobretudo em momentos dos jogos onde o time mais precisava. Na última vitória, sobre o Cuiabá, por 2×0, na Ilha do Retiro, o meia mais uma vez deixou a sua marca ao anotar o segundo gol da partida.

“Eu demorei para ter oportunidade e também não esperava que as coisas iam acontecer tão rápido como gols, assistências. Claro que nem sempre no jogo são momentos bons, mas o principal momento é o gol, o passe. Estou participando muito disso e é sempre mais fácil jogar com atletas de qualidade. Isso facilita muito”, disse ele, que soma dois gols e três assistências.

Apenas no seu segundo jogo titular, Carmona foi o jogador com mais ações de alta intensidade (piques maiores de 20 km/h), com 70, e um dos que mais correu em campo, com mais de 10km percorridos.

“É um negócio que sempre olho. Gosto de ver estatísticas. No primeiro tempo embora eu tenha corrido bastante participei muito pouco do jogo. Não estava conseguindo encontrar meu espaço. Mas com a bola ou sem o meu normal é ter uma quilometragem alta nos jogos, muitas ações de alta intensidade. Embora não pareça porque não sou um jogador de carregar a bola, mas sem a bola eu corro bastante”, afirmou.

No lance do gol, a comemoração com os seus companheiros mostrou novamente o quanto o camisa 19 é querido no grupo. “Desde o jogo com o Bragantino com aquele lance no final eu vi a alegria do time com a minha felicidade. Eu não esperava tanto. Aquele momento foi fruto mesmo do meu esforço do dia a dia que eles sempre viram. As vezes eu aparecia um pouco triste e eles me colocavam para cima. Sempre me dediquei muito. Fiquei mais feliz em ver eles comemorando tanto esse momento comigo”, falou.