Após um empate heroico conquistando um ponto importante no Morumbi, o técnico Milton Mendes explicou, em sua coletiva após o jogo, não só a importância de se manter vivo na Série A, mas, também, o peso da partida contra o Santos, próximo domingo, às 16h, na Ilha do Retiro. Milton fez questão de enfatizar as conquistas recentes do Leão em partidas dentro e fora de casa e que domingo é dia da última decisão do Sport no Campeonato Brasileiro da Série A. O comandante espera uma Ilha do Retiro lotada para a decisão no próximo domingo.

O técnico do Sport Club do Recife comentou sobre a mudança no esquema do time para poder não ser surpreendido pelo adversário. “Mudamos nosso esquema de jogo. Optamos por um time mais leve, com uma saída de bola mais rápida. Gostei muito da postura da equipe dentro de campo”, comentou.

Com a chegada da parte final do campeonato, o treinador explicou sobre como está motivando a equipe do Leão para brigar pela permanência na elite do futebol brasileiro até o fim da competição. “Lidamos com pessoas, com seres humanos. Trabalhamos não só a parte física dos atletas, mas também a parte mental deles. Você não consegue trabalhar com o psicológico dissociando do dia a dia. Diante disso a equipe reagiu muito bem”, explicou Milton.

O ponto conquistado em São Paulo poderá ser o diferencial para tirar o Sport da zona de rebaixamento. “Voltaremos para Recife com um ponto na bagagem. Não era o que queríamos, mas será muito importante. Conseguimos impor alguns momentos de aflição ao São Paulo jogando dentro do Morumbi”, disse Mendes.

Para a partida contra o Santos, o técnico não poderá contar com dois jogadores que atuaram na partida desta segunda. O lateral Cláudio Winck e o volante Jair estão suspensos. “Vamos ver quem poderá substituí-los. Teremos três, quatro dias para trabalhar. Serão dias tranquilos e de muito trabalho. Vamos mostrar para eles o que fizemos de bom ao longo do ano como as vitórias contra o Grêmio, Palmeiras, Vasco…”, falou Milton.

 

Torcida

Para a partida de domingo, o treinador conta com o apoio total e irrestrito da torcida do Leão. “Nossa torcida está no dia a dia. Nosso torcedor é a alma do nosso vestiário e contamos com eles no jogo contra o Santos. Quando passamos pela avenida rubro-negra nos recebemos uma energia muito grande, nos dá uma força muito grande”, falou Milton Mendes.