Especialista em bolas paradas, a zagueira Bruna Cotrim é uma referência na equipe do Sport. Titular desde a reativação da equipe em 2017, ela quem comanda as penalidade e as faltas durante as partidas das Leoas. No último domingo (25), na partida de ida pela final do Campeonato Pernambucano, diante do Náutico, ela não sentiu a pressão de converter uma penalidade, aos 34 do segundo tempo. Com o gol, as rubro-negras venceram por 1×0 e têm a vantagem do empate na partida da volta.

“Fiquei extremamente feliz em marcar, mas sabemos que não podemos nos conformar com o resultado e que temos que entrar para ganhar. Temos outro jogo, outra final e a equipe do Náutico não é fraca”, pontua a zagueira. “Precisamos entrar do mesmo jeito, com a mesma confiança e pegada porque não tem nada ganho. Queremos levantar essa taça e conquistar o nosso bicampeonato”, completou.

A atuação de Bruna também foi elogiada pelo treinador, que foi quem confiou a ele a posição de batedora oficial. “O time todo confia muito na Bruna. Ela tem qualidade e é uma zagueira com muita técnica. Já cobrou pênaltis em diversas situação e sem dúvida não há ninguém mais preparado para situações de pressão como ela”, disse Jonas Urias.