Fim de participação na Copa São Paulo. Jogando no Estádio Municipal de Bálsamo, na tarde desta sexta-feira, o Leão perdeu para o Mirassol por 2 a 0 e se despediu da Copinha na terceira fase da competição. Ao Leão, o alento de um grupo bastante jovem e que se mostrou muito promissor em todos os jogos, terminando a campanha com 10 gols marcados e três vitórias em cinco partidas.

Com média de idade de 17,7, em um torneio que este ano foi Sub-21, o Mirassol apareceu como grande desafio desde o sorteio na fase de grupos. O time, bem mais experiente em idade, é o atual vice-campeão paulista, com vários jogadores com rotação alta já no profissional e que acabava de tirar um dos favoritos ao título da Copinha, o Atlético Mineiro com sua geração Sub-20 campeã brasileira.

A forma que o jovem grupo leonino encarou de frente, sendo em vários momentos bem superior e pressionando muito, mostrou que apesar da eliminação, as projeções para o futuro dos Leões da Base são as melhores possíveis e que em pé de igualdade em força e idade, os nossos atletas estarão bem mais prontos para ultrapassarem até com certa tranquilidade partidas feito a de hoje.

Em campo, mais uma vez desatenção e muitas chances perdidas facilitaram a vida do adversário. Mas só produz e perde oportunidades quem as crias e quem domina e envolve. A dor da derrota deixa marcas que serão curadas, cicatrizadas e que com toda a certeza será superada por gritos de alegria no final.

Bravo Leão da Ilha, bravo Leões da Base. Um futuro vencedor está sendo construído. Ao Staff, que veio em peso, um grande trabalho que continuará tendo sequência no Clube. O próximo desafio estará no Campeonato Estadual, que foi travado nas semifinais. Ainda com data para ser confirmada, o Sport buscará ser campeão pernambucano Sub-20, em uma conquista que também vale classificação à Copa do Brasil.