Após definir o planejamento de 2023 para o departamento de futebol de base, o Sport promove, no início deste ano, uma reestruturação no setor. As mudanças em curso buscam profissionalizar ainda mais o departamento e aproximar as categorias, o que vai facilitar a implementação de uma metodologia única de trabalho e ampliar a integração ao profissional. Desta forma, o Clube projeta fomentar a revelação de atletas e maximizar o uso deles na equipe principal.

Atual técnico do Sub-20, Sued Lima assumirá o papel também de coordenador metodológico, responsável por repassar a filosofia de trabalho para todas as categorias. Já o treinador do Sub-17, Otávio Augusto, tornara-se-á também coordenador de iniciação, implantando mecanismos para que os atletas alcancem patamares profissionais mais brevemente.

Além disso, o auxiliar do Sub-20, Luan Moreira, será treinador do Sub-15, enquanto João Barros será o técnico do Sub-13, além de estar ao lado de Otávio como assistente do Sub-17. As iniciativas visam integrar os processos de formação e desenvolvimento dos jogadores, com a implantação do DNA do Sport desde as categorias inferiores.

Sub-14

Paralelamente a isso, o Sport informa a dissolução da equipe Sub-14, com a redistribuição dos atletas para o Sub-13 e Sub-15. A medida tem como objetivo integrar os jovens atletas em processos de desenvolvimento mais específicos e permitir a participação em competições mais ativas, seja no âmbito estadual ou nacional.

“Vamos realocar a receita destinada para o Sub-14 para trazer novos profissionais e preencher o calendário das categorias Sub-13, 15, 17 e 20. Assim, aumentaremos o nível de competição dos atletas”, explicou o coordenador geral da base, João Marcelo Barros.

Estruturação do departamento

Depois da chegada de um coordenador de captação (Lucas Nóbrega) e de um executivo para a base (Rafael Fernandes), funções inéditas no Clube, o departamento comunica que vai ampliar ainda mais o setor com as contratações de um analista de mercado de futebol de base e de um observador técnico.

As chegadas, que serão oficializadas em breve, terão como objetivos mapear os principais talentos da região de forma ativa, usando softwares de estatísticas e performance e monitoramento in loco em todo o Nordeste.

“Um dos nossos objetivos, que começamos a fazer neste ano e planejamos ampliar em 2023, é estruturar ainda mais o nosso departamento, modernizá-lo, para que possamos promover uma integração ainda maior junto ao profissional. Trouxemos profissionais para cargos que o Clube não tinha e vamos buscar maximizar a nossa captação, desenvolvimento e revelação de jogadores”, afirmou João Marcelo.