Sem descanso. Passada a grande vitória contra a Linense, o Leão volta a jogar na Copinha em novo mata-mata, menos de 48 horas depois do jogo em Lins. Agora, é hora de reencontrar o Mirassol. Se na primeira fase o duelo tinha os dois times já classificados, dessa vez o confronto definirá quem segue e quem sai da competição. No Estádio Municipal de Bálsamo, às 16h, o desafio dos Leões da Base será transmitido pelo Youtube, através do canal oficial da Federação Paulista de Futebol.

A maratona de fato é pesada para o jovem grupo leonino, que possui média de idade de 17,7 anos. Frente a uma equipe mais experiente em idade e que não precisou se locomover em viagem dentro de todo o torneio até aqui, a superação é a palavra para tentar passar por mais um desafio. Continuando na Copa São Paulo, os jogos passarão a ser mais do que nunca em formato parcialmente imediato, um após o outro.

De volta à Mirassol, onde ficou hospedado durante toda primeira fase, a quinta-feira foi sem treino, mas algumas conversas e academia para o grupo de atletas. Ainda serão disponibilizados sala de vídeo, com o analista Saulo Oliveira e a participação natural do treinador Sued Lima, que dessa vez não terá campo para treinar antes do jogo, mas que confia na qualidade, entendimento dos jogadores em tudo que já foi passado e na própria confiança deles, que vivem bom momento coletivo.

“Não é um sinal negativo. Claro que o ideal não era entrar em campo com tão pouco tempo de recuperação e preparação, mas pior ainda seria ter ficado pelo caminho na fase de grupos ou em Lins. Estamos vivos e com grande desempenho dentro dos jogos. Sinto alegria no grupo e a confiança compartilhada de encarar e fazer um ótimo jogo diante do Mirassol”, disse o comandante rubro-negro.