Dia de jogo grande para os Leões da Base! No final da noite desta terça-feira, último dia de agosto, o time Sub-17 rubro-negro vai receber o Cruzeiro na Ilha do Retiro. O duelo será válido pela partida de ida nas oitavas de finais da Copa do Brasil da categoria. A volta está marcada para a próxima semana, em Minas Gerais. O jogo, já com clima de decisão, terá início às 21h30 e será transmitido ao vivo pelo canal por assinatura Sportv.

O Sport encontrará o Cruzeiro após avançar na primeira fase fazendo sonoros 11 a 1 no Maranhão Atlético, em jogo que aconteceu fora de casa. O qualificado time mineiro também goleou, mas um pouco mais modesto: 5 a 0 no São Raimundo/AM, em Belo Horizonte. Semifinalista do Brasileiro Sub-17, a Raposa também chega empolgada por iniciar seu estadual local com duas goleadas, marcando sete vezes em 180 minutos.

Claramente, um páreo duro para o Leão, que terá na Ilha do Retiro uma fortaleza de esperança para realizar uma grande partida e conseguir estabelecer uma vantagem para o duelo de volta. A tendência tanto para o Sport, como para o Cruzeiro, é que sejam 90 minutos bastante equilibrados. Considerando jogos oficiais, o time leonino também não perde há três jogos. Empatou com o Internacional, venceu o Fortaleza e passou de modo muito sólido pelo Maranhão Atlético.

Momentos coletivos bons, que devem protagonizar um ótimo jogo de futebol na Ilha do Retiro. Desfalcado de Daniel Cruz, uma das referências técnicas da equipe, que ficará bom tempo parado devido a cirurgia no joelho, o técnico Sued Lima deverá manter a base do time que atuou na primeira fase. Autor de um lindo gol de falta, o goleiro Paulo Victor é uma das certezas no time titular.

“Estamos em um bom momento, jogaremos em casa. Na Ilha sempre conseguimos ter um bom desempenho. O Cruzeiro é um adversário qualificado, com bons jogadores, mas estaremos preparados. Trabalhamos bem essas últimas semanas, o professor Sued passou o que queria e vamos com uma estratégia bem definida para tentar dar um primeiro passo nesses 90 minutos iniciais”, declarou o arqueiro, que admitiu estar preparado caso surja uma nova possibilidade de cobrança de falta próxima da área.