Novo sábado com saldo positivo para os Leões da Base! Entrando em campo por cinco categorias diferentes, o Leão encerrou o dia invicto, com três vitórias e dois empates. Grandes destaques para a vitória por 3 a 0 do time Sub-13 no Clássico das Multidões contra o Santa Cruz e a super goleada da equipe Sub-17, que venceu o Íbis por 8 a 1. O sub-15 também venceu o mesmo Íbis por 1 a 0, enquanto os grupos Sub-14 e Sub-20 empataram seus jogos.

Sub-13 consegue se reafirmar como uma grande geração no Clube

Geração que consegue tonificar vivamente a transição do futsal para o campo, algo que era ausente no Sport e fez com que o clube perdesse valores que hoje são destaques no futebol mundial, a categoria Sub-13 mostra a cada vez que entra em campo ser uma excelente fonte de alegria e esperança para o futuro do Leão. Com garotos que apesar de muito jovens já são multicampeões dentro do Clube no futsal, a equipe segue encantando. Três vitórias em três jogos. Oito gols marcados e nenhum sofrido. A vítima dessa vez foi o Santa Cruz. 3 a 0, com direito a pênalti perdido e imenso volume. Gols dos meio-campistas Thiago e Maurílio e do atacante Adrianinho.

Placar apertado, mas importante vitória

Outro time com uma excelente geração, que segue invicta e líder da primeira fase do Estadual de sua categoria é a Sub-15. Dessa vez, um jogo mais equilibrado e econômico. 1 a 0 contra o Íbis, com gol do atacante Pedro Victor. Assim como no Sub-13, o pássaro preto conta com um projeto forte por trás de seus times, o que faz com que apesar de conhecido folcloricamente com desdém, tenha equipes fortes e competitivas nessas categorias. Sendo, inclusive, candidatas a chegarem em uma possível final.

Sub-17 em mais uma tarde inspirada 

Depois de vencer o Cruzeiro do Recife por 6 a 1 na última rodada, nova goleada da equipe Sub-17. Sonoros 8 a 1 diante do Íbis. Sempre com futebol propositivo e veloz, os Leões da Base poderiam ter feito um placar ainda maior. Controlando bem o ritmo e visando o gol com bastante sobriedade e jogo vertical, o resultado elástico foi construído em grande exibição coletiva. Diferente da rodada passada, em que os seis gols foram marcados por seis jogadores diferentes, dessa vez destaques individuais para os centroavantes Dyego, que marcou duas vezes e Thiago Lacerda, que fez um hat-trick. Abner Feijão, Ezequiel e Francisco completaram.

Empates amargos no Sub-14 e no Sub-20

Frente a Escolinha do Sport, projeto capitaneado pelo eterno ídolo e artilheiro Luiz Carlos, o Sub-14 do Sport empatou em 0 a 0, mesmo dominando todo o jogo e criando várias situações de gols. A bola, persistente em não entrar, também teve muita dificuldade de rolar, em um jogo muito parado pela arbitragem no Campo Auxiliar da Ilha. Resultado injusto, mas que deixa o time ainda invicto no Recife Bom de Bola.

Outro empate injusto foi o da equipe Sub-20. Precisando muito da vitória, mas diante de um adversário complicado dentro de sua casa, resultado final em 1 a 1 contra o Retrô, após muitas oportunidades perdidas de gol e de dificuldade na defesa, contra um time qualificado para aproveitar. O Leão levou gol praticamente no primeiro ataque da equipe de Camaragibe e, depois de muita insistência, empatou com um bonito tento do meia Adryan. Na sexta posição e fora do grupo dos quatro primeiros no Octogonal, o Leão terá uma espécie de “final” contra o Vera Cruz, na próxima rodada.